Amigos das Palavras

Por decisão do autor deste blogue os textos do próprio não seguem o acordo ortográfico de 1990.



terça-feira, 16 de setembro de 2008

32ª Meia-Maratona São João das Lampas (II-Palavras).

Na tarde do passado sábado, dia 13 de Setembro, participei na 32ª Meia-Maratona de São João das Lampas, voltando a repetir a presença (então a primeira) de há um ano. Desta vez e ao contrário do que sucedeu há um ano não chegámos muito cedo a São João das Lampas, mas ainda assim com algum tempo para levantar o meu dorsal e o meu diploma de participação na edição do ano passado, cumprimentar e trocar algumas palavras com a Ana Pereira (um ano depois foi um prazer revermos a Maria) que também estava na fila para levantar o seu dorsal, também o enorme prazer e honra de cumprimentar o Fernando Andrade (obrigado pela excelente tarde de sábado), já no exterior tempo ainda para ver alguns saltos dos pára-quedistas e para sentir um pouco do grande ambiente de festa que já se vivia à volta da prova.
Perto da hora da partida (17 horas) o speaker de serviço a relembrar o número de atletas presentes, a relembrar também que a prova sendo uma das primeiras da época e devido ao traçado da mesma (constante sobe e desce) é uma prova só mesmo para quem está muito bem preparado.
Prova que tem um percurso certificado pela CNEC desde o ano de 1993, percurso que esteve muito bem sinalizado e com os quilómetros marcados, ao longo do qual existiram quatro abastecimentos com indicação prévia dos mesmos bem como os tradicionais chuveiros simpaticamente disponibilizados pelas pessoas das terras por onde passámos.
Também não faltaram os aplausos e os incentivos das pessoas presentes (em maior ou menor número) ao longo do percurso.
Prova com um excelente conjunto de prémios de presença e com um número muito "generoso" de escalões classificativos.
E que dizer mais de uma prova que teve a sua 32ª edição e que apesar de apelidada de Meia-Maratona de São das "Rampas", ultrapassou as 3 centenas de atletas classificados na meta tendo registado mais 57 atletas classificados na meta do que em 2007?
Que venha a edição 33 pois então, a qual até já tem data marcada, eu por mim lá estarei.

Da minha prova pouco há a dizer, primeira das 3 provas em que participarei até à Maratona do Porto, foi 1h49'07'' de puro prazer, uma enorme felicidade de cortar a linha de chegada de mão dada com a minha menina de ouro (a minha Vitória).
Na classificação geral ocupei o lugar 217 (terminaram 315 atletas) e no meu escalão, M4549, ocupei o 26º lugar (escalão em que terminaram 36 atletas).
Os atletas mais rápidos foram, no sector feminino a atleta Mireth Tadesse com o tempo de 1h15’35’’ (um excelente 12ª da classificação geral) e no sector masculino o atleta Hosea Kipyego com o tempo de 1h06’14’’.
Em AMMA podem ser vistas perto de 5 milhares de fotos da prova.

4 comentários:

luis mota disse...

Olá António!
Uma excelente tarde, no passado sábado.
Uma boa preparação a caminho do Porto.
Muitas "vitórias" no seu percurso é o que lhe deseijo,
Luís Mota

luis mota disse...

(desejo)!

Fernando Andrade. disse...

Amigo Antóni Almeida

Muito obrigado pelas suas palavras, num relato feito com entusiasmo e satisfação que registo com muito agrado. É uma honra para nós, termos passado a contar com o António Almeida entre os "fieis" desta "Meia da má fama".
Grande Abraço.

Fernando Andrade

Carlos Lopes disse...

Olá António

Os meus parabéns por mais esta prova como o magnifico tempo realizado. Desejo uma boa caminhada para a provo do Porto. Adorei ver a princesa na meta.. um forte abraço