Amigos das Palavras

Por decisão do autor deste blogue os textos do próprio não seguem o acordo ortográfico de 1990.



Bem-vindos...


Sejam bem-vindos ao blog "Palavras de Corredor".
Passo-me a apresentar, nasci e vivi até à idade adulta em Almada, resido actualmente em Corroios e trabalho em Lisboa; sou feliz no casamento e por ser papá de uma linda bebé, mãe e filha são o meu porto de abrigo, porto de chegada e de partida…
Sou um homem de gostos simples, um do qual, gostar de correr.
Será sobre esse meu gosto pela corrida que incidirá este blog.
Por hoje fico-me por aqui mas voltarei brevemente.
Até lá façam o favor de correr!

Foram estas as palavras do 1º post corria então o dia 16 de Março de 2007.
Palavras que poderiam ser escritas hoje com uma pequena alteração (criança em vez de bebé) mantendo-se tudo o resto inalterável.

A ideia de criar as “palavras de corredor” surgiu-me das leituras que frequentemente fazia de alguns dos blogs já então existentes e que falavam de corridas, achei também que seria uma maneira de me poder vir a relacionar com pessoas com o mesmo “gostinho” pela corrida, o que viria a acontecer já que travei não só conhecimento virtual com muitos companheiros como com muitos deles tive mesmo o grato prazer de transpor esse conhecimento do virtual para o real e estabelecido mesmo nalguns casos fortes laços de amizade.

Quando criei as “palavras de corredor” não eram muitos os blogs de corrida existentes escritos por portugueses, motivo pelo qual visitava frequentemente os blogues dos nossos amigos brasileiros, o que ainda continuo a fazer, sendo que com alguns cimentei igualmente fortes laços de amizade ainda que virtuais.

As “palavras de corredor” têm também funcionado para mim com um tónico para regularmente fazer algo que gosto bastante que é escrever, sendo que já anteriormente registava em “palavras” as provas em que ia participando.

Em relação às fotos com que costumo acompanhar os relatos das provas em que vou participando, geralmente são tiradas pela minha esposa Isabel que quase sempre me acompanha, também a nossa filha Vitória nos acompanha frequentemente e por vezes as duas (mãe e filha) participam nas caminhadas existentes nessas provas.

O blog “palavras de corredor” começa com relatos muito sucintos dos anos anteriores à criação do blog, de como comecei a correr em meados dos anos 70 do século passado nos Ases das Avenidas, popular clube das Avenidas Novas em Lisboa, dos anos seguintes, o porquê de quase ter deixado de lado a corrida durante quase 20 anos, o recomeço em 2002 na companhia da minha esposa Isabel, a nossa participação na mini da “Vasco da Gama” ainda em 2002, a 1ª meia-maratona em 2003 na “25 de Abril”, o regresso um ano depois à Vasco da Gama para então correr a “meia”, o período seguinte até Março de 2006 em que continuei a correr mas sem quase participar em provas (em 2004 apenas participei no cross rebook, prova que já não se realiza e em 2005 participei na mini-maratona da 25 de Abril e na Corrida do Tejo), período de tempo que coincidiu com os meses em que a Isabel se encontrou grávida da Vitória e dos primeiros meses de vida na nossa “menina de ouro”, o resto do ano de 2006 e das participações em algumas provas de 10 quilómetros que os treinos não davam para mais, o inicio do ano de 2007, a vontade de voltar a corrrer distâncias maiores, o fazer por isso, a 1ª vez em Cascais na prova dos 20 quilómetros, o regresso à 25 de Abril para voltar a correr a “meia”…

Depois, a partir do nascimento destas “palavras de corredor”, estão também os relatos das provas que se seguiram ainda em 2007 e nos anos seguintes, algumas vividas de um modo especial (a 1ª maratona, as outras maratonas, a 1ª vez de Melides a Tróia…), relatos de férias (sempre com a corrida presente), relatos de alguns treinos, estatísticas de algumas provas…
Convido-vos a descobrirem as “palavras de corredor”, as mais recentes, também as mais antigas, voltem sempre, são sempre muito bem-vindos.

António Almeida