Amigos das Palavras

Por decisão do autor deste blogue os textos do próprio não seguem o acordo ortográfico de 1990.



terça-feira, 29 de dezembro de 2009

2ª Corrida El Corte Inglês São Silvestre de Lisboa.

Em cima à esquerda: a família já no Rossio.
Em cima à direita: durante a "corrida" da Vitória.
Ao meio à esquerda: na companhia da tia Ana e da família Mota.
Ao meio à direita: na companhia do Veloso, dos Mota, dos Ferreiras (pai, filho e neto) e companheiros.
Em baixo à esquerda: na companhia de 2 simpáticas animadoras ainda antes da prova.
Em baixo à direita: já depois da prova, com o Veloso, o Adelino, o Mota e os "Motinhas".
[clicar na imagem para ampliar]

Teve lugar durante a tarde do passado domingo a 2ª edição da Corrida El Corte Inglês São Silvestre de Lisboa, a qual foi organizada pelo Clube Olímpico de Oeiras em parceria com a Câmara Municipal de Lisboa e o apoio técnico da HMS Sports Consulting.
Na linha da auspiciosa estreia da prova no ano passado (nunca antes uma corrida de São Silvestre em Portugal tinha tido tantos atletas classificados na meta), este domingo foram 3048 os atletas que completaram os 10 quilómetros da prova, número que supera largamente o da edição de estreia então com 1797 atletas classificados na meta.
De salientar também a excelente participação feminina na prova (412 atletas), uns excelentes 13,5 % do número total de atletas.
A prova teve como ponto de partida, de várias passagens e de chegada, a Praça do Rossio, tendo os atletas corrido em algumas das várias artérias nobres da baixa Pombalina, algumas das quais embelezadas pelas bonitas e sempre vistosas decorações de Natal.

Antes da prova principal, estreou a São Silvestre da Pequenada, prova destinada aos escalões de Bambis (crianças de 5 e 6 anos), Benjamins A (7 a 9 anos) e Benjamins B (10 a 11 anos), que correram respectivamente, 300, 500 e 700 metros.
Com esta 1ª edição da São Silvestre da Pequenada pretendeu a organização chamar a atenção de todos para a importância de praticar desporto no combate à obesidade infantil em Portugal, invertendo a tendência para o excesso de peso desde cedo que provoca doenças graves na idade adulta.
O dinheiro das inscrições da São Silvestre da Pequenada reverteu na totalidade a favor da instituição de solidariedade social Acreditar (Associação de Pais e Amigos de Crianças com Cancro).
A Vitória participou na prova de Bambis na que foi a sua primeira participação numa prova de corrida depois de tantas participações em várias caminhadas na companhia da mãe.

Mais tarde, pouco depois das 18 horas, foi a minha vez de participar pelo segundo ano consecutivo na São Silvestre de Lisboa, apesar de estar bastante constipado e com problemas de alergia, parti ainda assim na companhia do meu cunhado Vítor Veloso com muita vontade de desfrutar em pleno da corrida, sem forçarmos muito lá fomos juntos até perto do 4º quilómetro, depois acabei por seguir sozinho, continuei nos quilómetros seguintes sem forçar muito e completei a prova de mão dada com a minha menina de ouro.
Demorei 47'01'' (ritmo de 4'42''/km) tendo-me classificado no lugar 759 da geral e no lugar 96 no meu escalão, Veteranos 2 (escalão em que terminaram 342 atletas).
Para mim foi uma excelente tarde de domingo, muita corrida, família e amigos, trinómio perfeito.
Daqui da blogosfera foi um prazer conhecer por fim o Joaquim Ferreira, igualmente um prazer rever o Pedro Ferreira, o Andrade, o Carlos Lopes, o Mota, o Magro, o Adelino, o Brito…

Fotos da tarde de domingo aqui e aqui.

A Vitória com os "Motinhas" Luís Carlos e Mariana.

11 comentários:

João Paulo Meixedo disse...

Então e a Vitória correu ou não?
Isso é que a malta queria saber.
Um excelente 2010, para toda a família, longe de lesões.
Grande abraço,
JP

Mário Lima disse...

António

Desta vez, inicialmente, foi o pai a acompanhar a Vitória e não como tem sido sempre, a Vitória a acompanhar o pai nos metros finais.

:)

Tens no Atletismo uma descendente à maneira. Que continue nessa onda pois é sempre bom.

Desta vez não deu para nos encontrarmos, eu bem olhava no retorno para ver se te via, mas com o "barulho" das luzes de Natal tal não consegui.

:)

Uma bela prova, um bom tempo, num ano recheado de muitas provas de diversas distâncias que completaste sempre a contento, ainda bem.

Os meus agradecimentos à Isabel pela simpatia e disponibilidade de tirar fotos à malta e como penso que mais logo lá estaremos nos Olivais, até já!

:)

Abraço!

Joka disse...

GRANDE GUERREIRO, FELIZ 2010 MAN !!!!!!!!!!!!!!!! BUENAS CORRIDAS...

JOSÉ LOPES disse...

Olá António

Parabéns por mais uma prova com um excelente desempenho.

Desejo-lhe a si e a toda a família um ano de 2010 com muita saúde, amor, paz e algum dinheiro.

Muitas participações em corridas com um desempenho igual ou melhor do que o ano de 2009.

Agradeço também as visitas e mensagens simpáticas deixadas no meu blog ao longo do ano.

com os cumps
J.Lopes

Duarte Gregório disse...

Um bom ano 2010, com muita saúde e dinheirinho para os gastos.
Que os sonhos que realizem, nem que sejam nos sonhos.
Votos de sucessos desportivos.
Abraço.
Duarte Gregório

Ricardo Hoffmann disse...

António, parabéns por mais essa!! E quando vai se animar para o São Silvestre brasileiro?? Esse ano serão 20 mil corredores. Bom 2010 para vocÊs!

joaquim adelino disse...

Amigo António.
Que pena eu tive de não ver a Vitória correr, eu sabia e até estava na 1ª curva a assistir. A confusão era muita, que pena aquele local já não comportar dignamente uma prova tão bonita como esta.
Logo lá estaremos nos Olivais.
Um abraço abrangente.

joaquim adelino disse...

Ah!.. esquecia-me de agradecer a publicação daquela fóto onde ainda estou com o fato de trabalho e os meus amigos já de fato e gravata, significativo...
Abraço.

Eduardo Acacio disse...

Meu amigo além mar te desejo um MARAVILHOSO 2010 com muitas conquistas e vitórias....
Desejo muita Saúde a vc e toda família ...

Abraços e obrigado pela Amizade !

Pedro Ferreira disse...

António,
Em família é sempre mais agradável correr!
Feliz 2010!

José Capela disse...

António,

Foi um prazer conhece-lo no decorrer deste ano. Espero e desjo que o ano de 2010 seja repleto de corridas e sempre com as excelentes crónicas que o António nos brinda!

Forte abraço,

José Capela