Amigos das Palavras

Por decisão do autor deste blogue os textos do próprio não seguem o acordo ortográfico de 1990.



quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Reencontro.

Passados mais de 30 dias separados sentiu o homem que era chegado o dia de se reencontrarem, passara por isso o homem o dia todo com ela no pensamento, quase ansioso…
Muitos dos encontros que tinham tido nos últimos anos tinham sido à noite, encontros carregados de desejo tal como este para o qual o homem já depois do dia de trabalho se vestiu sempre com ela no pensamento.
Sentiu uma felicidade imensa assim que se encontraram, quase de imediato sentiu o prazer que ela sempre lhe deu, lentamente foi sentindo que o sangue lhe começou a correr mais rápido e apesar da noite fria, muito fria mesmo, não demorou muito a sentir o corpo quente, o prazer em crescendo.
Durante cerca de uma hora como sempre nos seus encontros envolveram-se totalmente, a noite fria e o local onde se tinham encontrado quase deserto revelou-se um cenário perfeito para aquele encontro tão desejado.
Voltou depois o homem a casa mas já com novo encontro marcado.

2 comentários:

bluewater68 disse...

«And you can call on the road whenever you feel like it, whether it’s been a day… or a couple of hours since your last date. The only thing the road cares about… is that you pay it a visit once in a while. Nike. No games. Just sports»

Ms Harkins disse...

Bom te ver de volta! Agora só falta visitar os amigos.
Abç